T

Toxina Botulínica

A toxina botulínica é utilizada principalmente para suavizar as rugas de expressão da face, podendo ser aplicada na testa, entre as sobrancelhas e ao redor dos olhos. É injetada diretamente no músculo, paralisando-o temporariamente e assim evitando movimentos repetitivos que podem gerar ou acentuar linhas de expressão e rugas.

Também pode ser indicada para:

  • Arquear a sobrancelha;
  • Elevar a ponta do nariz;
  • Relaxar a musculatura do queixo quando muito enrugado;
  • Corrigir sorriso gengival;
  • Melhorar o aspecto do pescoço quando muito enrugado;
  • Definir o contorno da mandíbula (Nefertiti lifting);
  • Auxiliar na correção de assimetrias faciais;
  • Diminuir a transpiração excessiva nas axilas, mãos, pés, face e couro cabeludo (hiperidrose).

A aplicação da toxina botulínica deve ser feita por um médico dermatologista, buscando um resultado natural, no qual o paciente mantenha seus movimentos e expressões, sem a formação das rugas. É segura, eficaz e tem seus resultados melhorados quando associado a outros procedimentos como laser, bioestimuladores, preenchimentos (técnica conhecida por miomodulação) e peelings.

A marcação dos locais a serem injetados é feita pelo dermatologista e a substância é injetada com uma agulha muito fina. Após a aplicação, o paciente pode retornar para suas atividades habituais. O resultado começa a aparecer em torno do terceiro dia, com diminuição da força de contração muscular. Com cerca de 10 a 15 dias consegue-se observar o aspecto final.

O resultado se mantém por 3 a 6 meses, em média, na face e no pescoço. Já nas axilas, a duração é um pouco maior, em torno de 6a 8 meses. As novas aplicações devem respeitar o período mínimo de quatro meses.